domenica 12 aprile 2009

Risuscitò - Ressuscitou

"Utopie calabresi"
augura una Santa Pasqua a tutti i suoi lettori,
soprattutto a coloro che sono colpiti oggi
dall'ombra dello scoraggiamento.
.
O "Utopie calabresi"
deseja uma Santa Páscoa a todos os seus leitores,
mormente a aqueles tocados hoje
pela sombra do desânimo.
.
Nel giorno dopo il sabato, Maria di Màgdala si recò al sepolcro di buon mattino, quand'era ancora buio, e vide che la pietra era stata ribaltata dal sepolcro. Corse allora e andò da Simon Pietro e dall'altro discepolo, quello che Gesù amava, e disse loro: "Hanno portato via il Signore dal sepolcro e non sappiamo dove l'hanno posto!". Uscì allora Simon Pietro insieme all'altro discepolo, e si recarono al sepolcro. Correvano insieme tutti e due, ma l'altro discepolo corse più veloce di Pietro e giunse per primo al sepolcro. Chinatosi, vide le bende per terra, ma non entrò. Giunse intanto anche Simon Pietro che lo seguiva ed entrò nel sepolcro e vide le bende per terra, e il sudario, che gli era stato posto sul capo, non per terra con le bende, ma piegato in un luogo a parte. Allora entrò anche l'altro discepolo, che era giunto per primo al sepolcro, e vide e credette. Non avevano infatti ancora compreso la Scrittura, che egli cioè doveva risuscitare dai morti. I discepoli intanto se ne tornarono di nuovo a casa.
Maria invece stava all'esterno vic
ino al sepolcro e piangeva. Mentre piangeva, si chinò verso il sepolcro e vide due angeli in bianche vesti, seduti l'uno dalla parte del capo e l'altro dei piedi, dove era stato posto il corpo di Gesù. Ed essi le dissero: "Donna, perché piangi?". Rispose loro: "Hanno portato via il mio Signore e non so dove lo hanno posto". Detto questo, si voltò indietro e vide Gesù che stava lì in piedi; ma non sapeva che era Gesù. Le disse Gesù: "Donna, perché piangi? Chi cerchi?". Essa, pensando che fosse il custode del giardino, gli disse: "Signore, se l'hai portato via tu, dimmi dove lo hai posto e io andrò a prenderlo". Gesù le disse: "Maria!". Essa allora, voltatasi verso di lui, gli disse in ebraico: "Rabbunì!", che significa: Maestro! Gesù le disse: "Non mi trattenere, perché non sono ancora salito al Padre; ma va' dai miei fratelli e di' loro: Io salgo al Padre mio e Padre vostro, Dio mio e Dio vostro". Maria di Màgdala andò subito ad annunziare ai discepoli: "Ho visto il Signore" e anche ciò che le aveva detto.
Giovanni 20, 1-18
.
Giotto di Bondone (1267-1337), Cappella Scrovegni a Padova,
Resurrezione (Noli me tangere)
.

No primeiro dia que se seguia ao sábado, Maria Madalena foi ao sepulcro, de manhã cedo, quando ainda estava escuro. Viu a pedra removida do sepulcro. Correu e foi dizer a Simão Pedro e ao outro discípulo a quem Jesus amava: Tiraram o Senhor do sepulcro, e não sabemos onde o puseram! Saiu então Pedro com aquele outro discípulo, e foram ao sepulcro. Corriam juntos, mas aquele outro discípulo correu mais depressa do que Pedro e chegou primeiro ao sepulcro. Inclinou-se e viu ali os panos no chão, mas não entrou. Chegou Simão Pedro que o seguia, entrou no sepulcro e viu os panos postos no chão. Viu também o sudário que estivera sobre a cabeça de Jesus. Não estava, porém, com os panos, mas enrolado num lugar à parte. Então entrou também o discípulo que havia chegado primeiro ao sepulcro. Viu e creu. Em verdade, ainda não haviam entendido a Escritura, segundo a qual Jesus devia ressuscitar dentre os mortos. Os discípulos, então, voltaram para as suas casas. Entretanto, Maria se conservava do lado de fora perto do sepulcro e chorava. Chorando, inclinou-se para olhar dentro do sepulcro. Viu dois anjos vestidos de branco, sentados onde estivera o corpo de Jesus, um à cabeceira e outro aos pés. Eles lhe perguntaram: Mulher, por que choras? Ela respondeu: Porque levaram o meu Senhor, e não sei onde o puseram. Ditas estas palavras, voltou-se para trás e viu Jesus em pé, mas não o reconheceu. Perguntou-lhe Jesus: Mulher, por que choras? Quem procuras? Supondo ela que fosse o jardineiro, respondeu: Senhor, se tu o tiraste, dize-me onde o puseste e eu o irei buscar. Disse-lhe Jesus: Maria! Voltando-se ela, exclamou em hebraico: Rabôni! (que quer dizer Mestre). Disse-lhe Jesus: Não me retenhas, porque ainda não subi a meu Pai, mas vai a meus irmãos e dize-lhes: Subo para meu Pai e vosso Pai, meu Deus e vosso Deus. Maria Madalena correu para anunciar aos discípulos que ela tinha visto o Senhor e contou o que ele lhe tinha falado.
João 20, 1-18
.
Scorcio della piccola cappella collocata all'interno della Basilica del Sepolcro di Gerusalemme, secondo la tardizione situata nel luogo dove si trovava la piccola grotta del sepolcro, demolita con la crostruzione della chiesa. Sulla destra si nota il ripiano dove fu adagiato il corpo di Gesù.

10 commenti:

Lídia Craveiro ha detto...

Uma boa Páscoa também para si.
Abraço
Lidia

stella ha detto...

Buona Pasqua a tutti...

Pedro ha detto...

Desejo desde já...uma Páscoa feliz e uma optima viagem até Portugal.
Abraço

Pedro
www.de-eskissos.blogspot.com

AidaLemos ha detto...

Muito obrigada pelos seus votos, os quais retribuo.
Um abraço.
AL

paulo ha detto...

Uma Santa Páscoa a você também, amigo Domenico. Suas palavras, sempre de ânimo, tocam sem dúvida, quem te cerca.

Abraço

Tétis ha detto...

Amigo Domenico,

Muito bonito este texto bilingue com desejos de Santa Páscoa.

Mais uma vez reitero os meus desejos de uma Feliz Páscoa para si e todos os seus.

Boa viagem até Portugal. Cá o esperamos de braços abertos.

sirio ha detto...

Buona e serena Pasqua anche a te Domenico!
La resurrezione di Cristo porti nei fratelli Abruzzesi tutta l'energia di cui hanno bisogno per ricominciare.

Un caro saluto.

Anonimo ha detto...

Fantástico trabalho.
Gostei e vou voltar.
Santa Páscoa

lili laranjo ha detto...

Vejo que vem a PORTUGal
Esperamos por si...

Domenico Condito ha detto...

Olá amigos

Antes de mais, quero agradecer-lhes os simpáticos votos e as mensagens lindas, e desejar-lhes tudo de bom e muitas felicidades.
Eu e a Laura, que é a minha companheira da vida, chegamos em Portugal, Lisboa, no dia 16 de Abril. Vamos passar alguns dias em Lisboa, onde colaboro com o Museu de São Roque para uma pesquisa histórica, que vai ser editata em Itália proximamente, e para promover um intercâmbio cultural entre a cidade de Stalettì (Calabria) e Lisboa. Depois, queríamos visitar outras localidades, mas ainda não temos decidido o nosso itinerário… Há tanto para ver em Portugal… e adoro este país!!
Se fosse possível gostaria muito de conhocer-vos a todos na occasião da minha “Viagem a Portugal”…
Graças a vós hoje sinto-me um pouco português e fico muito honrado com isso.
Como já escrevei e torno a escrever neste espaço, a Calábria tem um grande coração, mas parece-me que esse coração tem forma de guitarra portuguesa!!!

Um abraço do tamanho do mundo para todos vós.

Domenico

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...